27/01/2017

Assembleias de condomínio

A participação dos moradores nas assembleias de condomínio é muito importante para a definição do bem comum. Não deixe de comparecer!

Essas reuniões normalmente não têm muita aderência dos proprietários, mesmo sendo primordial a presença de todos para o levantamento de questões a serem resolvidas sobre o condomínio. A maior causa pela falta de interesse é o bate-boca a cada assunto levantado para votação. Para evitar bagunça, basta levar uma lista de temas a serem abordados e saber a hora certa de falar sobre eles.

600x315.[2]

É nesse encontro que os proprietários podem levar ao conhecimento de todos alguma insatisfação ou sugestão sobre as áreas comuns. Como registro, todo assunto é descrito na ata, que deverá ter cópias encaminhadas a todos os proprietários logo após a reunião.

Existem dois tipos de assembleias: ordinária ou extraordinária. A primeira é convocada pelo síndico e acontece periodicamente para prestação e aprovação das contas e possíveis previsões de custos, como planejamento de obras. Já a segunda pode ser convocada por um quarto dos proprietários para discussão sobre obras emergenciais ou qualquer questão que não possa esperar até a próxima assembleia ordinária.

Vale lembrar que a ausência do proprietário é considerada “voto vencido”, correndo-se o risco de aceitar algo que não irá agradar. Porém entrará em vigor por prevalecer o voto da maioria dos presentes, não importando quantos são.


Voltar

Compartilhar com
meus amigos

Facebook Twitter